25 de outubro de 2018

Iron Fight

A importância dos aminoácidos para a musculação

Os aminoácidos possuem um papel importantíssimo para quem deseja melhorar os seus resultados com a prática regular de atividades físicas, em especial a musculação. Por quê? É simples, esses micronutrientes são os responsáveis pela formação das proteínas.

O resultado? O aumento considerável da massa muscular e a melhora da saúde como um todo. Porém para que isso aconteça é preciso que eles sejam ingeridos da maneira correta, caso contrário não irão surtir os efeitos que você espera.

Assim, para que você possa aproveitar todos os benefícios desse tipo de suplemento, ao longo deste post serão apresentadas informações relevantes sobre o que eles são, como utilizá-los e os seus benefícios. Confira:

1 – O que são os aminoácidos?

Para compreender por que os aminoácidos são nutrientes tão importantes para a musculação, é necessário compreender o que eles são. De maneira geral, os aminoácidos são micronutrientes compostos por 4 principais elementos: carbono, nitrogênio, oxigênio e hidrogênio.

A estrutura de um aminoácido possui dois principais grupos, que são o carboxílico e o amina, no qual ambos estão conectados por uma molécula de carbono alfa. Também é necessário destacar, que esses nutrientes estão conectados por ligações peptídicas, que formam as cadeias de proteínas.

O consumo diário desses nutrientes é crucial para manter o bom funcionamento do organismo. Assim como evitar, a ocorrência de deficiências nutricionais que podem ocasionar o surgimento de doenças ou sensações de mal-estar no corpo.

aminoácidos

2 – Classificação dos aminoácidos

O nosso corpo precisa de 20 tipos de aminoácidos para conseguir produzir a quantidade ideal de proteínas para manter o organismo em bom funcionamento e saudável.  Esses nutrientes ainda podem ser divididos em dois grandes grupos: os essenciais e os não-essenciais.

Assim, aquele aminoácido que é produzido naturalmente pelo organismo é classificado como essencial. No total existem apenas 11 tipos deles, a saber:

  • Ácido aspártico
  • Ácido glutâmico
  • Alanina
  • Arginina
  • Cisteína
  • Glicina
  • Glutamina
  • Ornitina
  • Prolina
  • Serina
  • Tirosina

Por outro lado, é possível encontrar tipos de aminoácidos que apenas podem ser encontrados em alimentos ou suplementos. Esses são classificados como essenciais, e no total existem 9 deles:

  • Fenilalanina
  • Histidina
  • Isoleucina
  • Leucina
  • Lisina
  • Metionina
  • Treonina
  • Triptofano
  • Valina

Todos esses micronutrientes desempenham um papel crucial no organismo. Descubra abaixo, quais as principais funções exercidas por eles e como eles podem ajudar no desempenho do treino de musculação.

3 – Qual a principal função?

De maneira geral a principal função do aminoácido é construir as proteínas, nutriente que por sua vez desenvolve um papel fundamental na reconstrução dos músculos. Por meio dele, você consegue obter o aumento considerável da massa muscular.

São as cadeias desse micronutriente que fazem com que o reparo das fibras musculares ocorra de uma maneira mais rápida e eficaz. Não é à toa que eles têm sido cada vez mais utilizados por pessoas que desejam aumentar o seu ganho de massa muscular.

Alguns alimentos que são fontes desse tipo de proteína são as carnes vermelhas, e iogurtes. No entanto, para obter bons resultados o ideal é utilizar suplementos específicos que possuem grandes concentrações de aminoácidos.

4 – Principais benefícios dos aminoácidos

Poucas pessoas sabem, mas além de contribuir para o aumento da massa muscular, os aminoácidos ainda proporcionam uma série de outros benefícios para o organismo. Veja alguns dos principais tipos e os efeitos que eles causam no seu corpo:

  • Isoleucina: Acelera a reparação dos tecidos musculares e ainda estimula a produção de energia
  • Leucina: Melhora o processo de cicatrização tanto da pele, quanto dos ossos
  • Triptofano: É considerado um antidepressivo 100% natural
  • Valina: Promove a redução do apetite e ainda acelera a reparação das fibras musculares
  • Metionina: Diminui consideravelmente a queda de cabelo e os edemas causados pelo colesterol alto
  • Treonina: Ajuda na produção de colágeno e de elastina
  • Ácido glutâmico: Atua diretamente no aumento da atividade cerebral
  • Glutamina: É fundamental para a melhora e prevenção de doenças mentais, aumento do QI e ajuda no tratamento contra o álcool

5 – Quantidade diária de aminoácido recomendada

Como qualquer outro tipo de suplemento alimentar, também existe uma quantidade específica de consumo diário de aminoácido. Mas atenção, ela varia de acordo com o objetivo físico de cada pessoa, por isso é importante se manter atento sobre esse aspecto.

De modo geral, os especialistas recomendam a ingestão de 1,6 a 1,7 gramas por quilo corporal, para aqueles praticantes de musculação que desejam aumentar a sua massa muscular.

Contudo, essa dosagem pode aumentar para aqueles praticantes de musculação de alto impacto e resistência, no qual o indicado é consumir uma dose diária entre 1,7 a 1,8 gramas por quilo.

Vale a pena destacar, que é importante seguir as orientações de consumo que são indicadas pelo fabricante no rótulo do produto, assim como as do seu nutricionista. Lembre-se que o excesso de dosagem pode prejudicar não apenas os resultados, como também a sua saúde.

6 – Como usar os aminoácidos e potencializar o treino

Agora que você já conhece qual a dosagem ideal para você, é importante saber qual o melhor momento de suplementar esse nutriente, através do BCAA ou Whey Protein. Pois eles são excelentes, no processo de crescimento de massa muscular no organismo.

O BCAA pode ser ingerido antes do treino para aumentar os níveis de energia, após os treinos e durante o dia para evitar que seu corpo entre em estado de catabolismo. Por outro lado, o Whey Protein deve ser consumido logo após o pré-treino para que ajude no processo de recuperação muscular.

Em ambos os casos, é recomendado que você ingira esses suplementos com ajuda de água gelada ou até mesmo com leite desnatado.

Ao longo deste post você pode descobrir detalhes sobre o que é, qual a função e como utilizar os aminoácidos. Agora, tudo que você precisa fazer é escolher um suplemento rico nesse tipo de nutriente e aproveitar todas as vantagens que ele pode oferecer.

Você poderá perceber grandes resultados em um curto período de tempo, sobretudo se ele for utilizado na dosagem e nos momentos corretos. Não deixe de aproveitar esse tipo de produto!

Se você gostou deste conteúdo, confira também estes aqui:

Os melhores suplementos para iniciantes

Suplementos femininos funcionam mesmo?

Manual do BCAA

Compartilhar esta matéria

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp